ÁFRICA/QUÊNIA - Missa em Nairóbi para as 4 religiosas de Madre Teresa mortas no Iêmen

Sexta, 15 Abril 2016 missionários assassinados  

Nairóbi (Agência Fides) – Religiosos e religiosas do Quênia recordarão as 4 Missionárias da Caridade (Irmãs de Madre Teresa), mortas em 4 de março em Aden, no Iêmen (veja Fides 4/3/2016), com uma missa que será celebrada em 16 de abril na Basílica da Santa Família em Nairóbi.
Das 4 religiosas mortas, Irmã Mary Judith Kanini, 41 anos, era queniana. “Nascida em uma família de oito filhas com uma mãe solteira” – lê-se em nota recebida pela Agência Fides - Irmã Mary Judith Kanini deixou sua casa em Machakos, como Anastasia Kanini, para se unir às Missionárias da Caridade”. Em 2002 iniciou sua missão no Iêmen e sua última visita à família no Quênia foi em 2011.
“Kodogo (como era chamada em sua família) me disse que no Iêmen a vida é difícil e que as irmãs viviam em sua casa de cura no constante medo de ataques” diz a mãe da missionária morta.
As outras religiosas assassinadas são Irmã M. Marguerite, 44anos, Irmã M. Reginette, 32, ambas originárias de Ruanda, e Irmã M. Anselm, 57, originária de Jharkhand, na Índia.
O balanço total do ataque à estrutura de assistência de idosos e deficientes administrada pelas religiosas é de pelo menos 16 mortos, enquanto não se têm notícias do sacerdote salesiano indiano Tom Uzhunnalil, que residia no convento das religiosas.
“Rezaremos também pela salvação de pe. Tom Uzhunnalil” sublinha o Irmão Reginald Cruz, Vice-postulador e encarregado das relações com os religiosos dos Padres Xaverianos. (L.M.) (Agência Fides 15/4/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network