AMÉRICA/MÉXICO - Bispo de Huatla lança o alerta contra a seca na Sierra Mazateca de Oaxaca

Terça, 30 Maio 2017

Internet

Oaxaca (Agência Fides) – Depois de mais de 20 dias sem chuva, a região mazateca está atravessando a pior crise devido à seca, além da falta crônica de serviços médicos. Esta situação causou a morte de muitas pessoas pobres. Foi o declarou numa nota, enviada a Fides, Dom José Armando Álvarez Cano, Bispo de Huautla. O Bispo, ao tomar conhecimento dos óbitos sobretudo de crianças e de idosos, exortou a intervenção imediata do governo federal e estadual.
Dom Cano explica que quando não chove em Huautla de Jiménez, milhares de indígenas lotam as grutas mais próximas para se abastecerem com água estagnada, percorrendo a pé, ida e volta, pelo menos três quilômetros de subida até as respectivas habitações. O Bispo acrescenta que em Huautla falta a rede de água potável e a maior parte das famílias recolhe a água da chuva para o uso e o consumo pessoal. O consumo de água deste tipo é a causa de milhares de casos de gastroenterite, que permanecem sem tratamento pela falta de remédios. A seca está atingindo os mais de 120 mil habitantes dos 19 municípios que formam a região mazateca. As pessoas não lembram de um período assim tão seco há pelo menos 15 anos.
(AP) (30/5/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network