AMERICA/BRASILE - Altri 9 contadini uccisi in un conflitto agrario

Sábado, 22 Abril 2017 direitos humanos   indígenas   agricultores  

Comunidade indígena do Brasil

Mato Grosso (Agência Fides) – Nove pessoas mortas: é o balanço do massacre em um novo conflito agrário no Brasil. O massacre aconteceu alguns dias atrás em uma gleba do município de Colniza, a cerca 1000 km de Cuiabá, mas a notícia foi divulgada somente ontem, 21 de abril.
A Comissão Pastoral da Terra (CPT) difundiu a notícia, afirmando que foi um novo massacre de agricultores pobres, vítimas de esquadrões criminosos enviados e pagos por expoentes de grandes fazendas da região que se ameaçam e, se necessário, matam pequenos agricultores. Há poucos dias, foi publicado o relatório sobre a violência no campo ‘Conflitos agrários no Brasil 2016’ (veja Fides 19/04/2017).
O escritório de Segurança Pública de Mato Grosso, confirmou a tragédia, precisando que o massacre foi obra de um grupo de ‘encapuzados’. O exército foi enviado foi enviado ao local porque o acesso é difícil e a região é habitada por 100 famílias. Segundo a última sondagem, realizada pela Comissão Pastoral da Terra (CPT) 6.601 famílias de Mato Grosso vivem em áreas de conflitos agrários, principalmente nas regiões situadas no Parque Nacional do Xingu, nos municípios de Querencia, Canarana e São Felix do Araguaia. (CE) (Agência Fides, 22/04/2017)



Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network