AMÉRICA/ARGENTINA - Manifestantes a favor do aborto deturpam um mural, a porta da Catedral e o Bispado

Sexta, 30 Setembro 2016 violência   igrejas locais   liberdade religiosa  
Grupos de manifestantes foram até a Catedral e dan

Imneuquen.com

Grupos de manifestantes foram até a Catedral e danificaram com tintas e escritos um grande mural

Neuquén (Agência Fides) - Algumas organizações feministas, um sindicato de mulheres e um movimento político feminino realizaram, em 28 de setembro, uma manifestação pelas ruas da cidade de Neuquén pedindo a descriminalização do aborto. Durante a marcha, grupos de manifestantes foram até a Catedral e danificaram com tinta e escritos um grande mural dedicado às Mães da Plaza de Mayo, chamado de "Mural de mães", situado ao lado da Catedral, pintando com tinta também a porta a Catedral e o Bispado.
O Bispo de Neuquén, Dom Virginio Bressanelli, expressou sua forte desaprovação pelo fato, com estas palavras: "Em certos momentos o ano, há manifestações. Infelizmente, em alguns casos, como nesta manifestação em favor do aborto, acontece isso. Estas pinturas danificam o edifício e somos obrigados a redecorar para apagar a escrita." Em relação aos murais das Mães da Plaza de Mayo que foram deturpados, ele acrescentou: "É um fato triste. Penso que existem coisas que fazem parte da beleza da cidade e do patrimônio de todos, por isso não podemos aceitar nada desse tipo". (CE) (Agência Fides, 30/09/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network