AMÉRICA/MÉXICO - Para os bispos a captura de 'el Chapo' deve dar esperança de que o crime diminuirá

Terça, 12 Janeiro 2016 violência   bispos   grupos armados  

Celaya (Agência Fides) - Dom José Benjamín Castillo Plascencia, Bispo de Celaya, disse que a nova captura "el Chapo", conhecido criminoso mexicano chefe de uma organização dedicada ao tráfico internacional de drogas, várias vezes preso e solto, dá esperança de que o índice de criminalidade no país irá diminuir. “Que bom que foi preso. É uma pessoa que tem dívidas com a justiça e deve pagar” – afirmou o prelado segundo informações enviadas à Fides. Talvez também diminuirá o tráfico de drogas e a criminalidade, porque até agora, quando um criminoso deixava, entrava outro, então esta captura deve deixar algo de bom”. Dom Castillo Plascencia enfatizou também que se deve saber o que aconteceu com os bens apreendidos pelo Governo aos criminosos: "Sobre esta questão tem muita coisa que ainda não está clara; algo deve ser entregue novamente à comunidade, uma vez que é uma fortuna feita com o sangue das pessoas pobres”.
Uma posição mais crítica foi expressa pelo Bispo de Irapuato (Guanajuato), Dom José de Jesus Martinez Zepeda, que disse que a captura de 'el Chapo' não faz aumentar a credibilidade do governo federal e acusou a mídia de fazer com essa notícia uma "cortina de fumaça" sobre outras questões importantes, tais como o aumento do dólar e a queda do petróleo. Por isso, é necessário dar a dimensão justa que este evento merece: "Como criticamos as falhas, devemos nos felicitar com as conquistas. Não se pode negar o sucesso que representa, seria fechar os olhos e permanecer sempre negativos”. (CE) (Agência Fides, 12/01/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network