AMÉRICA/MÉXICO - Alarme pelo contínuo aumento de crianças de rua

Sábado, 5 Janeiro 2013

Tapachula (Agência Fides) – O aumento de crianças de rua, provenientes especialmente da América Central, e a falta de subsídios para continuar a assisti-las adequadamente é um fenômeno muito preocupante. Para enfrentar este problema, foi aberto 5 anos atrás em Tapachula, Chiapas, o Ejército de Salvación, abrigo para crianças de rua, órfãs, que viviam sob as pontes da cidade. Os menores são nutridos e vestidos, mas faltam verbas para continuar e melhorar o serviço. O abrigo é mantido graças a doações de benfeitores, mas não são suficientes. Atualmente, são hospedadas de modo permanente 25 pessoas, de idade entre 8 meses e 19 anos. Além delas, cerca de trinta vão todos os dias ao centro para se alimentar. A maior parte delas vendem balas nas esquinas da cidade. Outras 35 recebem cotidianamente refeições. As crianças migrantes, que aumentam dia após dia, carecem de todo tipo de ajudas. Recebem medicamentos, gêneros alimentícios e vestuário. A maioria provém de Guatemala, Honduras e El Salvador. À noite, é fácil encontrar adolescentes da América Central que vivem nas ruas e trabalham em cantinas. O objetivo do abrigo é poder continuar a ajudar cada vez mais crianças em condições precárias, com o apoio das autoridades. É necessário também dispor de um local digno para oferecer aos jovens uma formação que os torne autônomos no trabalho, afastados das ruas.
(AP) (5/1/2013 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network