ÁSIA/SÍRIA - Destruída com explosivos a histórica Igreja evangélica de Aleppo

Sábado, 10 Novembro 2012

Aleppo (Agência Fides) - A histórica Igreja evangélica árabe de Aleppo, no bairro de Jdeideh (cidade antiga), foi minada e feita explodir por “homens armados, por puro ódio sectário”: é o que afirma, em declaração enviada à Agência Fides, o Pastor Ibrahim Nasir, líder espiritual da Igreja Evangélica árabe em Aleppo, contando sobre a explosão ocorrida há dois dias.
O rev. Ibrahim Nasir expressa “amargura e tristeza de todos os cidadãos sírios” pelo episódio, que deixou os cristãos “inconsoláveis”. A mensagem enviada à Fides aponta: “Hoje, anunciamos a destruição da Igreja Evangélica árabe, primeira Igreja mártir. A mesquita dos Omayyadi de Aleppo e a Igreja Evangélica de Aleppo se unem num abraço de dor, como estão abraçadas desde 1848, no culto de Deus e no serviço ao homem. Hoje é o dia em que gritamos a Cristo e dizemos: meu Deus perdoa-lhes porque não sabem o que fazem”.
Na tragédia em que vive o povo sírio, prossegue o líder, “cada Igreja, cada mesquita é um refúgio para todos os que foram obrigados a fugir de suas casas”. E afirma: “Superaremos a nossa dor e reconstruiremos nosso país, nossa Igreja, nossa mesquita e nossa humanidade”.
O texto conclui. “Acreditamos com fé nas palavras de nosso Senhor Jesus Cristo: Eu vos dou a paz, vos dou a minha paz, não como a dá o mundo”, agradecendo “todos os que expressaram solidariedade” e rezando a Deus “para que conceda a todos os sírios o espírito de amor”. (PA) (Agência Fides 9/11/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network