AMÉRICA/MÉXICO - Uma religiosa tira dos lixões crianças portadoras de deficiência abandonadas e as adota

Quinta, 11 Outubro 2012

Cidade do México (Agência Fides) – Por ocasião dos 50 anos da fundação da organização espanhola Mensajeros de la paz, foi apresentado um projeto para construir duas novas casas de acolhimento, uma para as crianças com graves problemas e abandonadas pelas famílias e outra para idosos, cada uma com 40 lugares, na localidade de Metepec, no norte da capital mexicana. O projeto é o resultado do trabalho incansável de uma religiosa que nos últimos anos se dedicou a "tirar crianças do lixão", menores abandonados pelas ruas ou porque portadoras de deficiências. Segundo referido pelo presidente e fundador da ong, padre Angel García, numa nota enviada à Agência Fides, Ir. Ines cuida das crianças que ninguém quer e lhes dá o seu nome. Até agora, foram acolhidos 200 menores, dos quais cerca de 70 têm o seu nome. Não obstante a grande boa vontade que a anima na sua missão, a religiosa não tem meios adequados para cuidar completamente das crianças, alguns dos quais já estão grandes e necessitam de cuidados médicos específicos porque provêm de ambientes totalmente insalubres. Daqui nasceu a ideia de dar às crianças uma casa digna e o Estado do México cedeu um terreno de quatro hectares onde serão construídas as duas novas casas de acolhimento. O projeto compreende também uma capela e uma área comercial, com cinema, salões para festas, um campo de futebol e locais de comércio que a associação alugará ou venderá, desde que as empresas interessadas cedam parte dos lucros para a manutenção das casas de acolhimento. (AP) (11/10/2012 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network