http://www.fides.org

Atos da Santa Sé

2010-10-30

ÁFRICA/BURUNDI - Renúncia do Bispo de Ruyigi e nomeação do sucessor

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – O Santo Padre Bento XVI em 30 de outubro de 2010 aceitou a renúncia ao governo pastoral da diocese de Ruyigi (Burundi), apresentada por Dom Joseph Nduhirubusa, conforme o cânone 401 § 2 do Código de Direito Canônico. O Santo Padre nomeou Bispo da Diocese de Ruyigi (Burundi), Dom Blaise Nzeyimana, Vigário Geral da Arquidiocese de Gitega.
Dom Blaise Nzeyimana nasceu, em Butare, em junho de 1954. Depois de freqüentar a escola de ensino fundamental, entrou no Seminário Menor de Rusengo (1967-1968), continuou sucessivamente a sua formação antes no Seminário Menor de Mugera (1968-1972) e depois no de Bujumbura (1972-1974). Completou os estudos de Filosofia e Teologia no Seminário Maior de Bujumbura (1974-1981), antes de ser ordenado sacerdote em 25 de julho de 1981, incardinado na Arquidiocese de Gitega. Depois da ordenação desempenhou os seguintes cargos: 1981-1985: Vigário paroquial em Mugera; 1985-1987: Pároco de Giteta; 1987-1991: Chanceler e Vigário Episcopal da região pastoral de Gitega; 1991-1992: Ecônomo General adjunto; 1992-1994: Estudos para o Mestrado em Teologia e Certificado Superior de Pedagogia Religiosa junto à Universidade de Estrasburgo (França); 1994-1997: Vigário General da Arquidiocese de Gitega, Secretário do Departamento Pastoral e Secretário do Departamento de Desenvolvimento; 1997-2007: Secretário do Geral da CED-Caritas nacional; 2007-2008: Secretário do Departamento Pastoral; desde 2008: Vigário General de Gitega (pela segunda vez). Foi também presidente da União do Clero incardinado. Atualmente é também secretário da Comissão Episcopal para o Clero e faz parte da Comissão Mista da Igreja na Tanzânia e no Burundi para o Acolhimento dos Deslocados e Refugiados.
A Diocese de Ruyigi, criada em 1973, é sufragânea da Arquidiocese de Gitega. Estende-se numa superfície de 4.303 km2 e conta 524.549 habitantes dos quais 368.928 católicos, 14 paróquias, 48 sacerdotes (38 diocesanos e 10 religiosos), 39 seminaristas e 111 religiosas. (SL) (Agência Fides 30/10/2010)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network