VATICANO - O Card. Filoni exorta a diocese de Ebebiyin: “não cansem jamais de dar testemunho de nossa fé”

Quarta, 24 Maio 2017 filoni   igrejas locais  

Ebebiyin (Agência Fides) – Hoje, Dia de Maria Auxiliadora, o Card. Fernando Filoni, Prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos, esteve em visita pastoral à diocese de Ebebiyin, onde presidiu pela manhã na Catedral a Missa solene da tomada de posse do novo Bispo, Dom Miguel Angel Nguema, salesiano, e à tarde, encontrou o clero, religiosos e religiosas. “O novo Bispo, Dom Miguel, começa seu ministério na Diocese que já existe há 35 anos – disse o Cardeal na homilia – mas com a criação da nova Diocese de Mongomo terá um território e o presbitério menor. Isto pode facilitar o novo Pastor a estar mais presente entre vocês e ter mais tempo para suas necessidades, mas comporta também a necessidade de uma maior colaboração de sua parte”. Comentando a Liturgia da Palavra, que propunha um dos grandes hinos Cristológicos de São Paulo sobre o papel de Jesus no projeto de amor do Padre e sobre a predestinação dos fiéis, o Card. Filoni evidenciou: “Desde o início dos tempos, Deus-Pai pensou em vocês para torná-los santos, para fazê-los seus filhos. Cada um de vocês é chamado a este caminho de santidade, ou seja, manter uma relação de amor forte e incondicionado com o Senhor. Cada um de vocês é chamado a fazer parte da verdadeira família de Jesus, constituída por aqueles que obedecem à vontade de Deus-Pai”.
“Para Deus, não é importante se nossas ações terão resultados grandiosos, grandes ou pequenos – prosseguiu o Cardeal – mas o importante é ter coragem, nunca se cansar de dar testemunho de nossa fé e deixar agir a Graça nos corações humanos, crendo que ela realmente age. Muitas vezes, nós somos tentados pela necessidade de ver os resultados de nossas obras, ao ponto que alguns se questiona se vale a pena fazer algo quando não estamos certos de obter um bom resultado. São Paulo não se desanimou, porque tendo encontrado Cristo, depositou toda a sua confiança Nele. É verdade que certas vezes os resultados não são vistos logo, mas é preciso dar tempo para que cresçam. São Paulo nos ensina, porém, a ir sempre adiante, com generosidade na obra de evangelização, ao proclamar a Palavra de Deus, ao ajudar os pobres e os carentes e – como nos recorda o Papa Francisco – na coragem de ir aos lugares mais difíceis, onde há marginalização. Estes são os meus votos ao Bispo Miguel e a esta jovem Diocese de Ebebiyin”.
O prefeito do Dicastério Missionário destacou em seguida: “A força dos Apóstolos, a força da Igreja, a força do catolicismo na Guiné e na Diocese de Ebebiyin é a força que provém do Alto. Esta força é mais poderosa do que nossas possibilidade, é capaz de transformar nossos esforços que às vezes parecem pouco promissores em rios de graça... Tenham, portanto, coragem e deixem-se guiar pela potência dos dons do Espírito!”.
No dia em que a Igreja celebra o Dia de Maria Auxiliadora, Maria, ajuda dos cristãos, “a quem Jesus na Cruz confia São João, e nele todos sonos todos confiados a ela”, o cardeal exortou: “Em nosso agir, podemos sempre invocar a sua ajuda materna, especialmente quando chegam momentos de desânimo e de medo, quando nos sentimos fracos diante dos desafios que parecem maiores do que nossas possibilidades”.
O Card. Filoni concluiu a homilia com estas palavras: “Confiando a Maria a Igreja em Ebebiyin e no início do ministério episcopal de seu Bispo, renovo meus votos a todos vocês para que sejam testemunhas de Cristo, levando consigo a força do Espírito, a audácia de agir com generosidade na missão de bem que lhe é confiada”. (SL) (Agência Fides 24/5/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network