ÁSIA/INDONÉSIA - Eleições em Jacarta: derrotado o candidato cristão

Quarta, 19 Abril 2017 política   sectarismos  

Evovideo.ga

Jacarta (Agência Fides) – Enquanto ainda está em andamento a contagem dos votos, todas as sondagens realizadas nas sessões já contabilizadas na rodada de eleitoral para a escolha do novo governador de Jacarta atribuem uma ampla margem de vitória ao candidato Anies Baswedan (na foto), ex-ministro indonésio do ensino. Foi derrotado o atual governador, Basuki "Ahok" Tjahaja Purnama, cristão protestante de origem chinesa, que havia vencido na primeira rodada das eleições estaduais apesar das campanhas de propaganda sectária contra e ele e o processo em que é acusado por uma presumível blasfêmia.
Também no segundo turno registrou a hiperatividade de movimentos radicais islâmicos como Tamasya Al-Maidah, que tinha chamado todos os indonésios para ir a Jacarta para “fazer a guarda” das cadeiras eleitorais durante o segundo turno. Para evitar formas de ameaças físicas e psicológicas sobre os eleitores, a Polícia proibiu encontros e mobilizações de massa durante as votações.
O Arcebispo Ignatius Suharyo, responsável pela Arquidiocese católica de Jacarta, em sua mensagem pascal, referindo-se ao iminente encontro eleitoral, não mencionou explicitamente os grupos religiosos extremistas, mas citando alguns líderes muçulmanos indonésios, repetiu que também o Islã é uma religião de paz e rejeita a violência. O arcebispo convidou o povo a exercer o próprio direito de voto com serenidade, citou como prioridade o combate à corrupção e agradeceu ao Governo pelos esforços a fim de garantir um desempenho pacífico das eleições.
Analistas católicos indonésios, contatados pela Agência Fides, consideram que o perfil do novo governador de Jacarta, distante de posições extremistas, representa uma garantia e poderá contribuir para dar serenidade ao clima, deixando cair as tensões sectárias que caracterizada a campanha eleitoral. (PP/GV) (Agência Fides 19/4/2017).



Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network