ÁFRICA/UGANDA - “Não violência: Um estilo de Política para a paz”: apelo do Arcebispo de Gulu para promover a paz

Sábado, 14 Janeiro 2017 paz  

Internet

Gulu (Agência Fides) - Durante a décima segunda semana de oração pela paz anual promovida pela Conferência Episcopal de Gulu, Dom John Baptist Odama, Arcebispo de Gulu, fez um apelo veemente a todos aqueles que fomentam a violência, convidando-os a parar este ciclo e apoiar uns aos outros de uma forma pacífica. “Que cada coração não promova a violência! Que cada boca não alimente e violência! Que todo esforço físico não incentive a violência!”, invocou o arcebispo. O encontro, realizado em Gulu de 9 a 13 de janeiro, reuniu mais de 5 mil peregrinos para a paz provenientes do norte de Uganda, Sudão do Sul, da Arquidiocese de Gulu, das dioceses de Nebbi, Arua e Lira (Ganal). O tema é "Não-Violência: Um estilo de Política de paz", “escolhido da oração pela paz no mundo promovida pelo Papa Francisco, através do qual exorto todos os seres humanos a praticar a não-violência como forma de promover a paz”, lê-se no comunicado enviado a Fides.
Dom Odama se dirigiu em especial aos peregrinos instando-os a rezar pelos países do mundo onde ainda existem conflitos armados, como o Sudão do Sul, Somália, Afeganistão, Síria, Iraque, Mali, Líbia, Iêmen, República Democrática do Congo (RDC), República Centro-Africana (RCA), Nigéria, Gâmbia e Uganda.
O arcebispo, que também é presidente da Conferência Episcopal de Uganda e presidente da Acholi Religious Leaders’ Peace Initiative (ARLPI) desempenhou um papel fundamental na conclusão dos vinte anos de guerra do Exército de Resistência do Senhor (LRA) no norte de Uganda. (AP) (14/1/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network