ÁFRICA/RUANDA - As confissões religiosas reafirmam o seu compromisso com a reconciliação nacional

Sábado, 21 Maio 2016 paz   diálogo  

Kigali (Agência Fides) - "Estamos convencidos de que a unidade e a reconciliação estão em linha com o que as Escrituras dizem. Por isso, no ano 2000 criamos o 'Christian Gacaca' que tem ajudado a oferecer aos nossos povos a justiça restaurativa. Publicamos também livros sobre unidade e reconciliação", disse ao Rwanda Times, Dom Philippe Rukamba, Bispo de Butare, que explicou o sentido do compromisso da Igreja Católica na Comissão para a Unidade e Reconciliação Nacional (NURC).
A este organismo aderiram, além da Igreja Católica, todas as confissões religiosas de Ruanda que se comprometeram a promover, em especial o programa Ndi Umunyarwanda ("Sou um ruandês" em Kinyarwanda).
A este respeito, o bispo anglicano emérito John Kabango Rucyahana, Presidente da NURC, explicou que "o que conseguimos até agora em termos de unidade e reconciliação é satisfatório, mas queremos colaborar e cooperar com as organizações religiosas e fundadas na fé para promover Ndi Umunyarwanda a fim de acelerar a reconciliação entre o nosso povo".
Os tribunais de Gacaca são os tribunais tradicionais encarregados de julgar os acusados de crimes como saques e ferimentos de pessoas durante os acontecimentos trágicos de 1994 (veja Fides 21/10/2009). (L.M.) (Agência Fides 21/10/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network