ÁFRICA/NIGÉRIA - Boko Haram está se movendo para o sul, seguindo o movimento dos pastores Fulani?

Segunda, 2 Maio 2016 grupos armados   clima  

Abuja (Agência Fides) - “As mudanças climáticas estão levando os pastores Fulani do norte da Nigéria ao sul, mas neste movimento populacional, podem ter se infiltrado combatentes de Boko Haram em fuga das mesmas áreas das operações do exército” diz à Agência Fides pe. Patrick Tor Alumuku, diretor do escritório de comunicações sociais da Arquidiocese de Abuja.
“A questão dos pastores Fulani é uma coisa muito séria!”, diz pe. Patrick depois do ataque à aldeia de Nimbo (no Estado de Enugu) de 25 de abril, com a morte de pelo menos 20 pessoas, e do atentado ao automóvel do Card. John Olorunfemi Onaiyekan, Arcebispo de Abuja, perpetrado em 28 de abril, no Estado de Edo.
“As duas localidades distam 200 km uma da outra, mas se situam no sudeste da Nigéria”, frisa pe. Patrick, explicando a extensão da instabilidade associada ao movimento dos Fulani.
“O Saara está avançando no norte da Nigéria, e este ano foi particularmente difícil para os pastores Fulani, que estão descendo com dezenas de milhares de bovinos para o sul, em busca de água e pastagens”, diz o sacerdote. “Isto alimenta fortes tensões com os camponeses no centro e no sul do país. Os Fulani estão armados para defender suas manadas dos furtos de gado, mas os massacres que lhes foram atribuídos nos últimos tempos no sul da Nigéria parecem ser obra de outros grupos que se escondem atrás deste movimento de massa de pastores”. “Cada vez mais nigerianos afirmam que os massacres são realizados por membros de Boko Haram que se estão locomovendo do sul da Nigéria” conclui o sacerdote. (L.M.) (Agência Fides 2/5/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network