AMÉRICA/EQUADOR - Meio milhão de menores em condições de abandono

Sexta, 15 Abril 2016 menores  

Photo RNW.org

Quito (Agência Fides) – Atualmente, existem no Equador 500 mil crianças e adolescentes, entre 0 e 17 anos, que vivem sem qualquer elo familiar, completamente abandonados a si mesmos. É o que emerge de uma pesquisa da ong S.O.S. Vilarejo das Crianças, enviada a Fides. A pobreza não é a única causa do abandono, mas há também a violência dentro das famílias, o consumo e o abuso de drogas e álcool e os maus-tratos. O estudo foi realizado entre 2014 e 2015 em todo o país, envolvendo mais de 1500 pessoas. Na pesquisa, se lê que o abandono não é somente de natureza física, mas também psicossocial, em que a família não só marginaliza a criança, mas não respeita os seus direitos, entre os quais o de prover a uma adequada alimentação, saúde e educação. (AP) (15/4/2016 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network