ÁSIA/SRI LANKA - A Caritas ajudando imigrantes e migrantes

Quarta, 6 Abril 2016 trabalho   direitos humanos   discriminação   formação   instrução   caritas  

Caritas Sri Lanka

Colombo (Agência Fides) - A obra de ajuda da Caritas Sri Lanka alcança os trabalhadores imigrantes e aqueles que migram para o exterior em busca de trabalho. A Caritas trabalha com programas de ajuda econômica, educacional e formação profissional numa rede de organizações da sociedade civil que favorecem a integração e inclusão social dos migrantes e suas famílias nos exterior. Conforme comunicado numa nota enviada à Fides, a “Caritas Sri Lanka trabalha para criar um ambiente de trabalho digno para os trabalhadores imigrantes” no país, oferecendo apoio psicológico, assistência jurídica e material; e por outro lado, desempenha um papel de informação sobre os direitos dos trabalhadores no exterior e, se for necessário, age como mediadora entre as embaixadas e o escritório de trabalho de Sri Lanka no exterior, para favorecer a inserção no tecido social ou facilitar o retorno ao país dos trabalhadores explorados.
Segundo estatísticas do governo, quase 1,7 milhão de trabalhadores cingaleses estão expatriados, em maioria mulheres que trabalham como domésticas em países do Oriente Médio. Frequentemente, estas trabalhadoras sofrem abusos ou moléstias. Em fevereiro de 2016, o governo de Sri Lanka organizou a repatriação de centenas de trabalhadores imigrados, vítimas de violações de direitos humanos na Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e Kuwait.
Diante desta situação, a Caritas desenvolveu novos programas para sensibilizar e aumentar a consciência sobre os riscos da imigração para aqueles que querem ir para o exterior. (PA) (Agência Fides 6/4/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network