AMÉRICA/CHILE - Outra igreja incendiada em meio ao “conflito Mapuche”

Terça, 5 Abril 2016 violência   indígenas   áreas de crise   igrejas locais  

Twitter

Igreja incendiada, Chile

Temuco (Agência Fides) – Um incêndio destruiu na terça-feira, 5 de abril, uma igreja em Quepe, no município de Freire, região chilena de La Araucania. No quilômetro 2,5 da estrada para Mahuidanche, zona rural ao sul de Temuco, se encontrava a capela que há 30 anos era ponto de referência para os fiéis da região.
Segundo a nota enviada a Fides, se trata de um incêndio doloso. Ao local, chegou um contingente de forças especiais dos carabineiros, além de bombeiros que trabalharam longamente para controlar as chamas. Além disso, no terreno foi encontrada uma tela preta com dizeres brancos, parcialmente destruída pelo fogo, com a escrita "p.p.m.", acrônimo comumente usado para se referir aos prisioneiros políticos Mapuche.
"Em Araucania há uma situação complexa - disse a Fides Dom Héctor Eduardo Vargas Bastidas, S.D.B., Bispo de Temuco -. De um lado, existe uma dívida histórica com o povo Mapuche. De outro, os atos de violência aumentam e se difundem, com todos os problemas que isso comporta". O chamado “conflito Mapuche” contrapõe desde os anos 90 o maior e mais importante grupo étnico do país aos agricultores e aos empresários por causa da propriedade das terras (veja Fides 19/12/2015).
Em 31 de março de 2016 foi incendiada outra capela católica na região, a capela de Sta. Joaquina, no km 5 da estrada em direção a Niagara, município de Padre Las Casas, sempre na região de La Araucania. Também aqui foi encontrada uma tela com dizeres que remetem à causa Mapuche.
Precedentemente, em La Araucania uma casa foi incendiada (veja Fides 7/01/2013), além de estruturas relacionadas à Caritas Araucania (vedi Fides 25/07/2012) e um santuário e uma casa de retiros espirituais (veja Fides 09/03/2016).
(CE) (Agência Fides, 05/04/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network