ÁSIA/TERRA SANTA - Bispo Shomali: “Misericórdia para a Terra Santa!”

Sábado, 12 Março 2016

Patriarcato Latino di Gerusalemme

Jerusalém (Agência Fides) - A Terra Santa precisa de uma “misericórdia sem confins” que abrace e envolva todas as comunidades religiosas presentes: foi o apelo lançado pelo Bispo William Shomali, Vigário Patriarcal de Jerusalém, presidindo uma conferência inter-religiosa organizada no âmbito dos programas para o Ano Jubilar, em que vários representantes religiosos ofereceram um modelo de “misericórdia de Deus”, cada um para o seu culto.
Conforme referido a Fides pelo Patriarcado de Jerusalém, o evento intitulado, “Misericórdia sem confins. Celebrar a Misericórdia de Deus no Hebraísmo, Cristianismo e Islã”, foi organizado em 10 de março pela Pontifícia Universidade Salesiana de Jerusalém e contou com a participação, dentre outros, do líder islâmico Qadi Iyad Zahalka, juiz junto ao Tribunal da Charia de Jerusalém, e do rabino David Rosen.
O Bispo Shomali citou o Papa Francisco sobre o tema da Misericórdia, recordando que ela é reconhecida pelas três religiões monoteístas como “um dos mais importantes atributos de Deus”. “Existe um aspecto da misericórdia que vai além dos confins da Igreja Católica”, disse, observando que “a misericórdia expulsa toda forma de violência e discriminação”. Por isso, segundo o vigário, constitui uma abordagem e um critério “relevantes para a área do Oriente Médio e da Terra Santa, onde o ódio e violência superaram a compaixão e a misericórdia”.
O Bispo sublinhou a necessidade de conciliar misericórdia e justiça”, notando a importância de ensinar e difundir na educação dos jovens o paradigma da “misericórdia para com os outros”. “A educação, disse Dom Shomali, “tem um papel importante em favorecer a paz ou o ódio, a compaixão ou vingança”, convidando a “remover do currículo de nossas escolas toda passagem que danifique a imagem do outro ou contribuía para fazer crescer a exclusão”. “Precisamos criar novos programas de aprendizagem com os textos das escolas que contenham valores partilhados”, concluiu, e a misericórdia é um destes. (PA) (Agência Fides 12/3/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network