ÁFRICA/MOÇAMBIQUE - Renúncia do Bispo de Lichinga e nomeação do sucessor

Segunda, 9 Fevereiro 2015

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – O Santo Padre Francisco, em 8 de fevereiro de 2015, aceitou a renúncia ao governo pastoral da diocese de Lichinga, em Moçambique, apresentada por Dom Elio Greselin, S.C.I., em conformidade ao cânone 401 § 1 do Código de Direito Canônico. O Santo Padre nomeou Bispo da diocese de Lichinga o Rev. Atanasio Amisse Canira, Vigário-Geral de Nacala e Diretor Nacional das Pontifícias Obras Missionárias.
O novo Bispo nasceu em 2 de maio de 1962 em Mossoril, diocese de Nacala. Depois de concluir os estudos primários, frequentou a Escola secundária industrial e comercial Joaquim Marra de Chimoio. De 1984 a 1986 foi aluno do Seminário propedêutico Mater Apostolorum de Nampula. De 1987 a 1989 frequentou o Seminário maior interdiocesano filosófico Santo Agostinho de Matola, e de 1990 a 1993 o Seminário teológico interdiocesano S. Pio X de Maputo.
Foi ordenado sacerdote em 12 de dezembro de 1993 e incardinado na diocese de Nacala, primeiro sacerdote do clero daquela Circunscrição eclesiástica. Depois da ordenação sacerdotal, desempenhou os seguintes cargos: 1994-1996: Pároco in solidum na paróquia Nossa Senhora da Paz de Namapa; 1996-1998: Enviado a Roma para a Licenciatura em Teologia Moral e Espiritualidade na Academia Alfonsiana; 1998-2001: Pároco da Catedral de Nacala; 2002-2007: Diretor Espiritual do Seminário maior teológico interdiocesano S. Pio X em Maputo; desde 2008: Pároco da paróquia de Nossa Senhora da Purificação na Ilha de Moçambique; desde 2010: Vigário-Geral da diocese, Vigário Episcopal para a Família, Diretor Nacional das POM (Pontifícias Obras Missionárias) em Moçambique para o quinquênio 2009-2014. (SL) (Agência Fides 9/2/2015)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network