http://www.fides.org

News

2014-07-23

ÁSIA/IRAQUE - Os jihadistas do “Califado” atacam Tilkif, contra-atacados pelos Peshmergas curdos

Tilkif (Agência Fides) – Na noite de terça-feira, 22 de julho, os milicianos do autoproclamado Califado Islâmico, responsável pela expulsão de cristãos e xiitas da cidade de Mosul, atacaram com tiros de morteiro os vilarejos de Tilkif, na tentativa de penetrar num dos centros habitados da Planície de Nínive, onde encontraram refúgio as famílias expulsas pelas ordens sectárias impostas pelos grupos que perderam o controle da segunda cidade iraquiana. “O ataque partiu de um vilarejo controlado pelos jihadistas – refere à Agência Fides o sacerdote caldeu Paul Thabit Mekko – mas foi contra-atacado pelas tropas curdas dos Peshmergas. Durante a noite, o pânico impulsionou dezenas de famílias cristãs a fugirem para Dohuk, mas os soldados curdos que presidiavam um posto de controle lhes disseram que a situação estava sob controle e que podiam voltar para casa. O pastor Louis Hadil confirmou-me que às quatro da manhã voltou a emergência em Tilkif".
O episódio ilustra a incerteza que paira sobre toda a área: por um lado, o ataque é a prova de que os milicianos do Califado Islâmico não se contentam em controlar Mossul e gostariam de estender o controle sobre a Planície de Nínive. "Mas a reação dos Peshmerga - constata Pe. Thabit Mekko - confirma que os curdos estão determinados a proteger esta área e estão firmes na intenção de rejeitar toda tentativa de ataque da parte dos milicianos jihadistas. Aqui, agora, quem garante a segurança da população são as forças militares curdas". (GV) (Agência Fides 23/7/2014).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network