http://www.fides.org

News

2014-07-16

OCEANIA/AUSTRÁLIA - O esporte para unir as comunidades, superar as diferenças e promover a justiça social

Canberra (Agência Fides) - O esporte pode trazer alegria, amizade e um senso de comunidade. Ele pode ser um instrumento fundamental para o desenvolvimento dos jovens e dar uma contribuição essencial para a nossa saúde e nosso bem-estar. No entanto, outros aspectos minam e distorcem os ideais do esporte: a violência no campo ou na rua; o abuso de drogas e álcool; o racismo e abuso de mulheres; um aumento potencial de criminalidade e corrupção. Come então podemos trabalhar para realizar o potencial do esporte para reunir as comunidades, superando as diferenças e ser uma força para a justiça social e reconciliação? Esta é a pergunta que se fazem os Bispos australianos anunciando o próximo Dia da Justiça Social, a ser realizado em 28 de setembro, e o relatório de 2014-2015 que intitulado "Uma coroa para a Austrália: comprometer-se com o melhor em nossa nação esportiva".
O título do relatório, como explica a nota enviada à Agência Fides pela Conferência Episcopal Australiana, refere-se à Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios (1 Cor 9, 24-27), em que o Apóstolo compara os atletas de seu tempo em concorrência por uma "coroa corruptível" com a nossa aspiração a uma coroa "que dura para sempre", como seguidores de Cristo. Os australianos são apaixonados por esporte, a nação para quando se disputam competições importantes, os clubes esportivos locais agregam as pessoas criando comunidades e as relações de amizade são fortalecidas. O esporte une pessoas que de outra forma nunca teriam entrado em contato. Por estas razões, conclui o comunicado, no Dia da Justiça Social", somos convidados a explorar a forma como o esporte pode nos ajudar a celebrar os valores esportivos e usá-los para construir o Reino de Deus na terra". (SL) (Agência Fides 17/07/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network