http://www.fides.org

News

2014-06-26

AMÉRICA/CHILE - Wüñol Tripantü, a festa Mapuche do renascimento da vida

Santiago (Agência Fides) – Em 27 de junho se celebra a festa religiosa e familiar da comunidade Mapuche chamada “Wüñol Tripantü”. Em todo o país, se realizam celebrações de 24 a 26 de junho que ainda hoje envolvem muitos chilenos pertencentes à comunidade indígena Mapuche. A pastoral Mapuche de Santiago enviou a Fides uma nota em que sinaliza a importância desta tradição que passa de geração a geração. Wüñol Tripantu, de fato, é uma festa da natureza, da família e da comunidade, que celebra a renovação da vida, da terra, dos animais e de toda a natureza que renasce. É uma prática antiga de milênios que se mantém na memória Mapuche, mesmo que tenha sido substituída pela festa de São João Batista no período da colonização e da evangelização.
Na cultura Mapuche, se afirma que a terra repousa no outono e é purificada com as chuvas invernais. Depois das chuvas, o sol faz despontar os primeiros brotos, as primeiras flores, nascem os animais, depois chega a primavera, e a terra continua o seu ciclo natural no verão, e novamente o repouso do outono que faz partir mais uma vez o ciclo anual. A nota enviada a Fides explica que o nome da festa, Wüñol Tripantu, “deve ser traduzido como o retorno do ano, o retorno de um ciclo, é uma conotação cíclica, enquanto o tempo na cultura indígena é cíclico".
A Igreja Católica está há tempos empenhada com a comunidade Mapuche, pela defesa dos seus direitos (Fides 07/01/2014), a assistência às crianças (Fides 29/05/2013), o reconhecimento da identidade Mapuche e de suas terras (Fides 21/05/2013). Este ano, também a Igreja Católica, através da Pastoral Mapuche, está entre os organizadores da festa em Santiago. (CE) (Agência Fides, 26/06/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network