http://www.fides.org

News

2014-05-24

AMÉRICA/CHILE - Apreciado o discurso do presidente, mas estiveram ausentes temas como violência, droga e imigrantes

Santiago (Agência Fides) - O Cardeal Arcebispo de Santiago, Ricardo Ezzati, sublinhou o bom clima de diálogo oferecido pelo Presidente da República do Chile, Michelle Bachelet, na "Cuenta Publica" (discurso programático) feito por ela em 21 de maio no Congresso Nacional. O primeiro discurso ao Congresso de Michelle Bachelet durou pouco mais de duas horas e se centralizou na educação pública, reforma fiscal, saúde e novo censo.
Na nota enviada à Agência Fides pela Conferência Episcopal do Chile, o Cardeal Ezzati enfatiza a ausência no discurso de questões consideradas importantes: "Por exemplo, aquelas que se ouvem das pessoas quando visitamos os bairros e atendemos a população, a questão da violência e o problema das drogas, não foram tocados. O tema grave para Santiago e muitas outras regiões é o tema dos imigrantes. Eu não ouvi uma palavra em relação a eles, sua situação no país e os problemas que experimentam".
Com relação à descriminalização do aborto em caso de risco para a vida da mãe e estupro, o Cardeal reiterou que a primeira coisa a fazer é "defender a vida, como nós Bispos fizemos em nossa declaração". Sobre o projeto de reforma do ensino público, o Cardeal deu o seu parecer, evidenciando que se baseia somente em alguns aspectos fragmentários do projeto até agora desconhecidos. Neste contexto, o purpurado disse que a Igreja católica pode contribuir com a sua experiência para o desenvolvimento do debate sobre o projeto educacional. (CE) (Agência Fides, 24/05/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network