http://www.fides.org

News

2014-05-23

AMÉRICA/HAITI - Chikungunya, cólera e doenças cardiovasculares em crianças: uma emergência médica

Porto Príncipe (Agência Fides) - A epidemia de cólera que começou em outubro de 2010, vários meses após o trágico terremoto que atingiu o Haiti, registrou até agora mais de 700 mil infecções e 8.500 mortes. O mosquito vetor do vírus chikungunya atingiu toda a ilha. No Haiti, as doenças infecciosas se espalham rapidamente, favorecidas pela pobreza que afeta a maior parte da ilha e educação muito carente. Segundo informações divulgadas por um médico de Illinois, que trabalha vários meses por ano em clínicas e hospitais da ilha com a ONG Haitian Hearts, comprometida em salvar a vida das crianças e tentar melhorar as condições de vida da população local, a situação é "deplorável". No que diz respeito ao recente surto de chikungunya que está se espalhando, a ilha é o melhor ambiente para a proliferação de infecções. A estação das chuvas, o ambiente favorável para a reprodução do mosquito e um sistema de saúde precário contribuem para agravar a situação. A cólera, doenças respiratórias em crianças, casos de vômito e diarreia, doenças de pele, tifo, hepatite e muitos casos de tuberculose são as emergências mais comuns. O médico também informou que há uma grande necessidade de centros de saúde cardiovascular infantis. (AP) (23/5/2014 Agência Fides)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network