http://www.fides.org

News

2014-03-06

AMÉRICA/HAITI - Reiniciado o diálogo político com a mediação do Cardeal Langlois

Porto Príncipe (Agência Fides) – “O diálogo inter-haitiano” entre o presidente e o parlamento recomeçará em breve, com o retorno ao país do Cardeal Chibly Langlois: é o que releva à Fides o sacerdote mons. Patrick Aris, porta-voz da Conferência Episcopal do Haiti (CEH).
O diálogo entre as forças políticas haitianas começou em 24 de janeiro e se encerrou em 12 de fevereiro, mas a assinatura do acordo foi suspensa porque o executivo publicou no jornal oficial “Le Moniteur” a lista completa dos juízes da “Corte das Contas” (veja Fides 18/02/2014).
As eleições deveriam ter-se realizado há dois anos no Haiti, mas as disputas pela formação do tribunal eleitoral e a lei que regulamenta as eleições adiaram sua realização. Para resolver esta longa crise no país – que ainda sofre as consequências do devastador terremoto de quatro anos atrás – a Igreja católica foi convidada a desempenhar a função de mediação. O novo cardeal Chibly Langlois, Arcebispo de Les Cayes, em uma entrevista à Agência Fides, disse poucos dias atrás: “Há uma coisa muito importante a se relevar no campo social: a Igreja acompanha os protagonistas políticas para conseguir construir o diálogo entre todas as partes e resolver os problemas de nossa sociedade. Devemos compartilhar a responsabilidade de solucionar a situação política de nosso país, a crise, e isto será possível apenas com o diálogo. A Conferência Episcopal se ofereceu como mediadora nesta crise e temos esperança que com o diálogo, se prossiga. Agora falta apenas a assinatura do acordo para sair da crise. Nisto, a Igreja tem um papel social muito bem definido” (veja Fides 25/02/2014). (CE) (Agência Fides, 06/03/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network