http://www.fides.org

News

2014-01-09

ÁSIA/ÍNDIA - Dalai Lama: “A conversão forçada é um oximoro”

Bangalore (Agência Fides) – O Dalai Lama desaprova as “conversões forçadas” de uma crença para outra, definindo a expressão “conversão forçada” um oximoro, ou seja, a combinação de duas palavras de sentido oposto. A conversão, de fato, é “um ato que toca profundamente a consciência humana” que ninguém pode obrigar ou forçar, de nenhuma maneira. Como informado à Fides, o Dalai Lama falou durante a Convention da Associação das escolas anglo-indianas realizada nos últimos dias em Karnataka, estado indiano onde são comuns problemas, conflitos e tensões inter-religiosas causadas principalmente pela presença de grupos extremistas hindus que quase sempre acusam os cristãos de realizar “conversões forçadas”. O Dalai Lama reconhece que “os cristãos ajudam a sociedade com programas sociais na instrução e na saúde e, se fazem proselitismo, “é errado”, acrescentou. Coagir o núcleo de consciência de um ser humano é impossível. O líder religioso recordou que também as organizações budistas como a “Rama krishna” atuam nas áreas rurais em benefício das populações mais pobres e marginalizadas “sem pedir ou esperar nada em troca”.
O líder espiritual tibetano estigmatizou também a questão da “corrupção” como o “maior câncer da sociedade” e convidou a Índia a enfrentar seriamente o problema. “Uma justa educação, os princípios morais, a disciplina e a paz interior são o caminho para combater a corrupção”, explicou. (PA) (Agência Fides 9/1/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network