http://www.fides.org

News

2013-11-20

AMÉRICA/COSTA RICA – A partir de dezembro, em todas as paróquias haverá uma reflexão sobre o documento dos Bispos em vista das eleições

São José (Agência Fides) – Os grupos pastorais da Igreja católica da Costa Rica estão encarregados de promover o debate e sensibilizar os fiéis sobre o documento "Rehabilitar la Politica", preparado pelos Bispos do país em preparação para as eleições presidenciais de 2 de fevereiro de 2014 (veja Fides 14/11/2013).
A nota enviada à Agência Fides por uma fonte local informa que Dom José Francisco Ulloa Rojas, Bispo de Cartago, decidiu que em sua diocese, “nos meses de dezembro e janeiro, todos os grupos paroquiais serão convocados para debater o documento em encontros semanais ou duas vezes por semana”. A intenção é que nos dois meses antes das eleições, todos os grupos paroquiais suspendam a discussão de seus temas particulares para começar a discutir sobre o documento. “Os párocos estão bem informados sobre como facilitar a discussão entre os grupos, mas isto não impede que os sacerdotes possam comentar o documento durante a Missa com aqueles que não podem participar dos grupos”, disse o Bispo.
A nota informa também que o Padre William Rodriguez Leon, Secretário-executivo para a comunicação da Conferência Episcopal, destacou que este trabalho é implícito, lendo as linhas-mestres elaboradas pela Conferência Episcopal da Costa Rica, quando afirma: “Os sacerdotes sejam a voz dos Bispos nas paróquias. Assim, é obvio que têm a obrigação de contribuir na promoção das linhas éticas incluídas no documento”. (CE) (Agência Fides, 20/11/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network