http://www.fides.org

News

2013-11-09

ÁSIA/JORDÂNIA - O Diretor da Caritas: o campo de refugiados de Zaatari se tornará uma “cidade provisória”

Amã (Agência Fides) – O maior campo de refugiados que abriga os sírios, no deserto da Jordânia, se prepara para se tornar uma “cidade temporária”. É o que confirma à Agência Fides Wael Suleiman, Diretor da Caritas Jordânia. “Com 130 mil pessoas presentes no campo, por um período que poderia durar ainda anos, os responsáveis da ONU e do governo jordaniano consideraram que a sua transformação em centro habitado fosse a única opção possível. Portanto, teremos no deserto uma al-Zaatari new city. Os trabalhos para levar água, eletricidade e serviços básicos já iniciaram”.
A superlotação em Zaatari é um dos fatores que continua a tornar cheia de tormentos a vida cotidiana dos hóspedes do campo. Exploração e violência, sobretudo contra as mulheres, estão na ordem do dia. Os jovens crescem sem nenhum tipo de atividade escolar e formativa. E a perspectiva de passar outro inverno nas tendas aparece insustentável aos que vivem ainda acampados.
As cifras fornecidas pela ONU falam de um milhão e 300 mil sírios que encontraram refúgio na Jordânia. (GV) (Agência Fides 9/11/2013).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network