http://www.fides.org

News

2013-07-09

ÁSIA/ÍNDIA – Os cristãos: não à nova lei anticonversão em Madhya Pradesh

Bhopal (Agência Fides) - Os cristãos do Estado de Madhya Pradesh (Índia Central) se opõem fortemente a uma medida que agrava as medidas existentes sobre a proibição de conversão. A nova lei foi aprovada pelo executivo guiado pelo nacionalista hinduísta "Bharatiya Janata Party". Em Madhya Pradesh já está em vigor desde 1968, o "Religious Freedom Act", de 1968, que regulamenta a conversão de uma religião para outra. A nova lei prevê que a pessoa que deseja mudar de religião deve informar o magistrado do distrito de sua decisão. A nova disposição também obriga os sacerdotes que presidem a "cerimônia de conversão" (ou seja, o batismo) a informar um mês antes o governo do Estado sobre o dia exato, hora e local em que a conversão tem lugar, prevendo sanções se isso não acontecer. Depois, segue uma investigação administrativa da polícia, para verificar se há restrições. Os cristãos temem que isso possa se resultar em mais violência contra os ministros de culto.
"A normativa parece deixar muitas pessoas com a falsa impressão de que a conversão seja ilegal na Índia, e essa ideia é levada a cabo por grupos extremistas que defendem a ideologia do Hindutva ("induità") com ferocidade religiosa", explica numa nota enviada Fides "O Conselho Global de Cristãos Indianos" (Gcic), que reúne cristãos indianos de diferentes denominações.
"Esta decisão precipitada faz parte de um plano que visa a criação de um clima de desconfiança e ódio contra a comunidade cristã, nas eleições parlamentares de 2014", relata o Gcic. Normas como essa, continua a nota enviada à Fides, "têm um impacto social negativo sobre os cristãos, apresentados como pessoas que têm a finalidade de fazer prosélitos. Nesse sentido se diminuir o valioso trabalho social realizado pelos cristãos sociais em favor dos mais necessitados e marginalizados".
As leis anticonversão são atualmente em vigor em seis dos 28 estados e em sete territórios da união. As leis, no papel, tentam conter as conversões religiosas feitas pela força, engano ou bajulação. De acordo com o "Conselho Global de Cristãos Indianos", na verdade, as leis impedem a conversão, em geral, e são manipuladas por grupos nacionalistas hinduístas para atingir as minorias religiosas. (PA) (Agência Fides 9/7/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network