http://www.fides.org

News

2013-06-21

ÁSIA/PAQUISTÃO – Desaparecido um jovem cristão convertido do Islã

Peshawar (Agência Fides) – Um jovem de 16 anos, que se converteu ao cristianismo do islamismo, está desaparecido desde 25 de maio passado, em Peshawar, capital da província de Khyber Pakhtunkhwa. De acordo com fontes locais de Fides, talvez ele tenha sido sequestrado por militantes islâmicos, muito fortes na província, e seu destino pode ter sido marcado, pois é considerado "culpado de apostasia".
Segundo algumas testemunhas, Aman Ullah (que significa "paz de Deus"), é o nome do jovem, foi sequestrado por militantes ligados à galáxia talibã, mas até agora não chegou nenhuma reivindicação de sequestro. O jovem aproximou-se ao cristianismo há um ano e fazia parte de um grupo de cristãos convertidos ao Islã. Fazia aulas bíblicas na comunidade cristã protestante em Peshawar e em algumas reuniões havia dado o seu testemunho de fé. Numa nota enviada à Fides, a comunidade local pede a todos os cristãos para rezar pela vida do jovem e invocar a proteção de Deus sobre ele.
Assim como em outros países muçulmanos, a "apostasia" do Islã é considerada digna de morte. Pe. Mario Rodrigues, sacerdote paquistanês e Diretor da Comissão para a Pastoral Juvenil em Karachi, disse à Fides: "Se um jovem muçulmano se converte ao cristianismo no Paquistão, ele é obrigado a viver na clandestinidade. Caso contrário, não tem chance de vida. Todo muçulmano pode se sentir no dever de matá-lo. A mudança de religião não é punida pela lei civil, é punida pela lei islâmica. Por isso, os casos de conversão de muçulmanos ao cristianismo são muito raros e alguns são convertidos em segredo". (PA) (Agência Fides 21/6/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network