http://www.fides.org

News

2013-05-24

ÁSIA/CORÉIA DO SUL - A Coreia do Norte propõe uma reunião de cúpula com o Sul: "Abre-se uma esperança", dizem os Bispos

Seul (Agência Fides) - A Coreia do Norte propôs oficialmente à Coréia do Sul para sediar um evento conjunto para comemorar o encontro de cúpula inter-coreano de 2000, que marcou o início de uma fase de degelo e aproximação (a chamada "sunshine policy") entre as duas nações. A cúpula de 2000, terminou com um acordo histórico entre os líderes Kim Dae-jung (Coréia do Sul) e Kim Jong-il (Coreia do Norte), que previa cooperação econômica, reuniões de famílias separadas, renovado diálogo entre os governos. A Coréia do Norte propõe hoje para celebrar esse evento na cidade fronteiriça de Kaeseong ou em Mount Geumgangsan. Os dois países realizaram celebrações anuais conjuntas em Mount Geumgangsan de 2001 até 2008, quando a crise nas relações bilaterais marcou a interrupção. Segundo os observadores, a proposta de Pyongyang indica uma vontade de retomar os projetos conjuntos e também na área industrial de Kaeseong. A proposta chega num momento em que a tensão entre as duas Coreias é alta, e após as ameaças de "guerra nuclear", lançadas por Pyongyang.
Estamos diante de uma virada? Segundo os bispos coreanos, a iniciativa do Norte é um "sinal de que se pode reabrir a porta da esperança". Isto foi afirmado por Dom Igino Kim Hee-joong, Arcebispo de Kwanju, Presidente da Comissão Episcopal para o Diálogo Inter-Religioso e da “Korean Conference Religions for Peace”, organismo que reúne líderes religiosos coreanos. "É claro que o governo de Seul disse que vai avaliar bem a proposta, uma vez que interessa o início de um processo sincero de aproximação e não apenas uma celebração de fachada", explica o bispo. "Do nosso lado - continua ele - esperamos, em breve, retomar o trabalho de diálogo inter-religioso: nós enviamos a Pyongyang a proposta de um encontro inter-coreano de líderes religiosos, como os realizados nos anos anteriores. Esperamos ter uma resposta positiva em breve”. (PA) (Agência Fides 24/5/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network