http://www.fides.org

America

2013-02-21

AMÉRICA/HONDURAS - 520 mulheres assassinadas em 2012

Tegucigalpa (Agência Fides) – “Com base em uma conta baseada nas notícias publicadas pela imprensa, 417 mulheres foram mortas durante o ano de 2012, um número que pode ser menor em 20% do real, o que significa cerca de outros 100 homicídios. Assim sendo, as mulheres mortas seriam cerca de 520” – afirmou a coordenadora do Observatório dos Direitos Humanos, Neesa Medina, ao apresentar o mapa da violência contra as mulheres em Honduras em 2012. Uma nota enviada pelo Semanal Católico Fides à nossa Agência frisa que a iniciativa quer elaborar e definir políticas e ações de prevenção contra a violência por parte de instituições e da Igreja Católica.
Durante a apresentação, a senhora Medina disse: “Outro fato a ser sublinhado é que metade das notícias da mídia sobre a violência contra mulheres concerne homicídios, e outra metade, se refere à violência sexual”. Segundo ela, a violência contra mulheres aumenta dramaticamente a cada ano: “Se levarmos em consideração o período 2005-2012, os homicídios de mulheres aumentaram em 300%”.
Segundo o mapa, as áreas urbanas das cidades de San Pedro Sula, Tegucigalpa e La Ceiba são as que registram a maior incidência de violência contra mulheres. A maior parte dos homicídios se dá contra mulheres de 25 a 30 anos.
(CE) (Agência Fides, 21/02/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network