http://www.fides.org

Asia

2013-02-14

ÁSIA/MIANMAR - Os Bispos: a oração do Papa purificará a Igreja

Yangun (Agência Fides) - "Apoiamos a decisão do Papa na oração e temos a certeza de que suas orações continuarão a purificar a Igreja durante séculos": a firma numa mensagem enviada à Agência Fides, Dom Charles Maung Bo, Arcebispo de Yangun, expressando os sentimentos da Conferência Episcopal de Mianmar, da qual é Secretário-Geral.
"Nas águas turbulentas da ditadura do relativismo – ressalta o texto - o nosso Santo Padre guiou a arca da fé, com coragem e um zelo incansável. Foi a estrela da manhã da esperança para os fiéis agitados pelo mar tempestuoso do modernismo". O Arcebispo Bo recorda que "por meio século, desde o Concílio Vaticano II, Joseph Ratzinger doou a sua vida e seus carismas, colocando sua fé, sólida como uma rocha, a serviço da Igreja Católica, protegendo-a dos perigos da época e ataques do relativismo".
"A sua guia - prossegue a mensagem – nos últimos anos nos enriqueceu, o seu conhecimento erudito, a sua reinterpretação da vida de Jesus de Nazaré, o seu vigor pela nova evangelização, a proclamação do Ano da Fé e as suas encíclicas sobre a Caridade ficarão impressas na alma e no coração".
Dom Bo expressa o "obrigado" da Igreja birmanesa: "Somos gratos ao Papa pelos grandes dons que recebemos através do nosso Bom Pastor, pela sua fé profunda, pelo seu empenho constante em difundir os ensinamentos dos Senhor, pela sua certeza moral, pela sua misericórdia e por sua coragem em meio a tantos desafios". Os Bispos de Mianmar recordarão sempre “a solicitude expressa pelo Papa durante as visitas ad limina, a generosidade depois do furacão Nargis, e as bênçãos oferecidas". (PA) (Agência Fides 14/2/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network