http://www.fides.org

America

2013-02-05

AMÉRICA/COLÔMBIA - Assassinado outro sacerdote empenhado pela paz

Riosucio (Agência Fides) - Outro sacerdote foi assassinado na Colômbia nas últimas 24 horas. Padre José Ancizar Mejia Palomino, de 84 anos, foi morto em 2 de fevereiro na sua residência, em Caldas, município de Riosucio.
Um primeiro boletim da polícia afirma que pe. Mejia Palomino foi encontrado amarrado na cama com sinais de tortura. Um comunicado enviado à Agência Fides recorda que pe. Mejia Palomino pertencia à diocese de Buga, mas exercitava o seu ministério pastoral na diocese de Pereira como capelão do orfanato "Sagrada Família" e na Casa para idosos "Luisa de Marillac". No comunicado, o Bispo, Dom Rigoberto Corredor Bermúdez e o presbitério da diocese de Pereira expressam condolência por sua morte. O funeral de padre Mejía Palomino será hoje, 5 de fevereiro, na igreja "Nuestra Señora de La Candelaria".
Justamente ontem, o Presidente da Conferência Episcopal da Colômbia, o Cardeal Rubén Salazar Gómez, Arcebispo de Bogotá, tinha exortado todos os colombianos a terem confiança nos colóquios de paz que se realizam em Cuba entre delegados do governo e as FARC. O Cardeal denunciou, porém, a violência que ainda atinge algumas regiões do país, citando também Riosucio de Caldas onde foram mortas várias pessoas que trabalham pela reconciliação e promovem a paz entre a população.
Ainda ontem foi noticiado o assassinato, sempre em 2 de fevereiro, do padre Luis Alfredo Suárez Salazar, da Arquidiocese de Villavicencio (Meta), que se encontrava em Ocaña (Veja Fides 04/02/2013).
Segundo a lista realizada anualmente pela Agência Fides, em 2012, pela quarta vez consecutiva, a América registrou o número mais alto de agentes pastorais mortos em relação aos outros continentes. Na Colômbia, em 2012 foi morto um sacerdote; em 2011 foram mortos seis sacerdotes e 1 leigo; em 2010 foram três 3 sacerdotes e um religioso; em 2009 foram violentamente mortos 5 sacerdotes e um leigo. Só em 2013 já foram assassinados 3 sacerdotes colombianos. (CE) (Agência Fides, 05/02/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network