ÁSIA/CHINA - V Fórum de Estudos Católicos para jovens estudiosos chineses dedicado aos 50 anos do Concílio Vaticano II

Segunda, 14 Janeiro 2013

Pequim (Agência Fides) – Os 50 anos do Concílio Vaticano II foi o tema central do V Fórum de Estudos Católicos para jovens estudiosos chineses 2012 (Fifth Forum on Catholic Studies for Young Chinese Scholars 2012) organizado pelo "Beijing Institute for the Study of Christian Culture" que se realizou recentemente em Pequim. Segundo as informações da Sapientia Press House da Diocese de Pequim, apuradas pela Agência Fides, no Fórum foram apresentadas cerca de cinquenta teses e houve quarenta pronunciamentos de jovens estudiosos chineses ou especialistas no âmbito de estudos sobre o cristianismo e catolicismo, ao lado de sacerdotes e teólogos católicos.
Dom Peter Zhao, Vigário da Diocese de Pequim, Diretor do "Beijing Institute for the Study of Christian Culture", presidiu a abertura e o encerramento dos três dias de estudos. O Fórum foi dividido em 5 partes: a teologia do Concílio Vaticano II; o catolicismo e a sociedade moderna; o catolicismo e a educação moderna; a história do catolicismo; a obra caritativa da Igreja católica. Vários ilustres estudiosos intervieram no debate, entre os quais o prof. Jean-Paul Wiest, sobre a história e o legado do Concílio Vaticano II, e Fr. Eamonn O'Brien, SSC, dos missionários colombanos, diretor do Instituto de intercâmbio cultural entre a Inglaterra e a China.
O "Beijing Institute for the Study of Christian Culture" organiza desde 2008 o Fórum anual, recebendo adesão sempre numerosa de acadêmicos prestigiados e estudiosos de cristianismo de fama internacional. Durante o debate, os participantes ofereceram também uma série de propostas úteis para a missão evangelizadora na atual sociedade chinesa. Todos os textos apresentados no Fórum são publicados no Journal of Catholic Studies, publicado periodicamente pelo Instituto. (NZ) (Agência Fides 2013/01/14)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network