AMÉRICA/BRASIL - "O diálogo entre Governo e entidades assistenciais é de grande importância": as propostas dos participantes do fórum da CNBB

Quarta, 7 Novembro 2012

Brasília (Agência Fides) – Depois de dois dias de trabalho, os representantes das organizações da sociedade civil apresentaram, na tarde de 6 de novembro, em Brasília (DF), alguma sugestões na conclusão do Seminário "Relações Estado e Sociedade". As propostas foram apresentadas ao Ministro da Secretaria Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, que participou da cerimônia de encerramento do evento. A nota enviada pela CNBB à Agência Fides informa que o Seminário, promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em coordenação com várias organizações sociais e Igrejas cristãs, reuniram especialistas e se concluiu com 14 propostas finais. Elas miram a favorecer o diálogo entre sociedade e Estado, além de satisfazer as exigências das instituições religiosas e das organizações da sociedade civil a fim de que possamos continuar o nosso serviço em prol da sociedade.
Segundo o Secretário-Geral da CNBB, Dom Leonardo Ulrich Steiner, o novo quadro normativo deverá facilitar a ação e o diálogo com as entidades governamentais. "O documento que entregamos ao Ministro Gilberto Carvalho é motivado pela preocupação de uma diminuição de nossas instituições no serviço que prestamos aos necessitados. Isto acontece por causa da fiscalização e alguns decretos. Portanto, instaurar um diálogo entre Estado e sociedade é de grande importância".
O ministro, em seu pronunciamento final, informou que até o fim da próxima semana o processo de consulta em relação ao quadro normativo deverá ser reaberto e depois levado ao Congresso. "A vontade política do Governo é aprofundar a contribuição das instituições que participam da assistência das pessoas", lê-se na nota da CNBB. (CE) (Agência Fides, 07/11/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network