AMÉRICA/BOLÍVIA - "Celebrar a democracia significa rejeitar todas as formas de violência": os Bispos para os 30 anos de democracia

Quinta, 11 Outubro 2012

La Paz (Agência Fides) – Comemorando os 30 anos de ininterrupta vida democrática na Bolívia, a Conferência Episcopal publicou uma declaração intitulada "Bolívia, 30 anos de democracia, justiça e respeito por todos", cuja cópia foi enviada à Agência Fides. "Temos motivos importantes para celebrar a continuidade da democracia. Passaram-se 30 anos desde que foi marcado o fim de governos autoritários e apoiados pela força das armas", começa o texto dos Bispos bolivianos que oferecemos abaixo alguns trechos.
"Agradecemos a Deus e a todos os que lutaram para poder obtê-la. Como Igreja, nos felicitamos com toda a sociedade boliviana para a recuperação e a institucionalização da democracia e das autonomias locais para a criação do Defensor del Pueblo e dos Tribunais de Justiça, para a iniciativa legislativa dos cidadãos, para o referendo, para a Assembléia Constituinte, entre outras realizações".
"Uma visão do processo democrático boliviano, todavia, seria incompleta se não fizéssemos notar as atuais ameaças que comprometem o pleno exercício da democracia na Bolívia. Celebrar os sucessos da democracia significa manter uma atitude de rejeição do confronto dos bolivianos contra os bolivianos, e de todas as formas de violência; é a realização dos direitos fundamentais das pessoas para a instrução, a saúde e a autodeterminação dos povos. Por isso, pedimos a todos os bolivianos de promover a cultura da paz, do diálogo, e de alcançar acordos na unidade, para o desenvolvimento e a prosperidade de todos".
"Trinta anos de democracia, em meio a luzes e sombras, são um patrimônio importante que devemos proteger e salvaguardar como a melhor herança para as gerações futuras, no desafio importante da construção de uma sociedade mais justa, digna, livre e unida". O documento é assinado pela Secretaria-Geral da Conferência Episcopal Boliviana com a data de 10 de outubro de 2012. (CE) (Agência Fides, 11/10/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network