AMÉRICA/PERU - Tráfico de pessoas: 8 vítimas em cada 10 são menores, um delito a se combater

Quarta, 10 Outubro 2012

Puno (Agência Fides) – O Observatório sobre a criminalidade do Ministério público informou que no Peru registraram-se 1.112 casos de tráfico de pessoas de janeiro de 2008 a julho de 2012, podendo ser considerado como o segundo crime mais rentável da criminalidade organizada. A nota enviada à Agência Fides pela Rádio Onda Azul de Puno, refere que mais da metade das denúncias se concentra em Lima, Madre de Dios, Loreto, Puno e Piura. Além disso, 8 em cada 10 vítimas do tráfico são menores, dentre 13 e 17 anos, e 5 em cada 10 traficantes são mulheres. A responsabilidade do escritório do Procurador comentou que o modo melhor para enfrentar esta realidade é realizar investigações completas sobre o crime, a partir do passado, e evidenciou a importância da colaboração entre o ministério público e a polícia nacional. Para este tipo de crime, o réu pode ser condenado a sentenças de 8 a 15 anos. As vítimas são utilizadas em exploração sexual ou profissional, para a mendicância ou o tráfico de órgãos. A Igreja denunciou, em várias circunstâncias, esta dramática realidade (veja Fides 21/09/2012 e 25/08/2012), muito comum nas regiões de fronteira. (CE) (Agência Fides, 10/10/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network