http://www.fides.org

Asia

2012-09-29

ÁSIA/LAOS - Campanha repressiva contra os cristãos de Savannakhet: três sacerdotes presos

Savannakhet (Agência Fides) – Torna-se intensa a campanha de repressão das autoridades laosianas contra as comunidades cristãs: nos últimos dias, a polícia prendeu três pastores protestantes, que guiavam a comunidade nos povoados do distrito de Phin, na província de Savannakhet. Numa batida policial foram presos o Pastor Bounlert, responsável pelos cristãos no distrito de Phin, o Pastor Adang, pároco em Kengsainoy, o Pastor Onkaew, pároco da igreja de Kapang. A polícia os levou para a prisão, atando-lhes mãos e pés. Outros dois líderes cristãos foram presos e transferidos para a prisão provincial de Savannakhet, e logo em seguida foram liberados.
Conforme referido à Fides pela ONG "Human Rights Watch for Lao Religious Freedom" (HRWLRF), os três pastores Bounlert, Adang e Onkaew "passam por duras condições no cárcere" e sofrem na prisão sem motivos, mas somente por sua obra de "guia religiosa". Dentre outras coisas, Adang e Onkaew estão gravemente doentes e suas famílias ainda não tiveram a permissão de visita-los, de levar remédios, ou transferi-los para um hospital.
Nos dias após a prisão, a polícia interrogou as famílias dos três, fazendo perguntas como: "Quem financia a sua comunidade? Quanto gastaram para construir a igreja? Quem os converteu ao cristianismo?"
Há um mês, a polícia prendeu o líder cristão Bountheung, na província de Borikhamxai (centro do Laos) sob a acusação de "ter convertido 300 laosianos à fé cristã" (veja Fides 28/8/2012).
A Ong HRWLRF pede ao governo do Laos para respeitar os direitos dos cristãos laosianos de professar livremente sua fé religiosa, como garantido pela Constituição do Laos. (PA) (Agência Fides 29/9/2012)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network