ÁFRICA/EGITO - Remodelação governamental: o Presidente Mursi consolida seu poder

Segunda, 13 Agosto 2012

Cairo (Agência Fides) – Em 12 de agosto, o presidente egípcio, Mohamed Mursi, ordenou uma remodelação do Governo, que levou à aposentadoria do Ministro da Defesa, Marechal Hussein Tantawi, até então considerado o "homem forte" do Egito depois de Mubarak .
O Presidente Mursi nomeou Abdel Fattah al-Sisi como novo Ministro da Defesa e Sidki Sobhi como Chefe de Estado Maior e o Juiz Mahmoud Mekki como Vice-Presidente.
O Chefe de Estado também decidiu assumir o poder legislativo, invertendo o decreto constitucional feito pelo Conselho Militar em junho (20/6/2012). A Assembleia Legislativa tinha de fato sido dissolvida por uma decisão do Tribunal Constitucional (veja Fides 15/6/2012) e o Conselho Militar havia assumido o poder legislativo.
Mursi se atribuiu a faculdade de formar uma nova Assembleia Constituinte para reescrever a Constituição, se a em vigor encontrar obstáculos intransponíveis na sua aplicação.
Uma fonte militar, citada pela televisão estatal negou que houve reações negativas das forças armadas em relação à decisão do presidente Mohamed Mursi de demitir o Marechal Tantawi. (L.M.) (Agência Fides 13/8/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network