AMÉRICA/EL SALVADOR - "A saúde é direito de todos": lançado projeto de combate ao mal de Chagas

Quinta, 1 Março 2012

Madri (Agência Fides) – Começou a campanha anual promovida pela organização humanitária espanhola Manos Unidas sobre o direito de saúde para todos. Graças ao apoio de Manos Unidas, em fevereiro, em El Salvador, a ong local Fundación Salvadoreña de Desarrollo y Vivienda Mínima (FUNDASAL), inaugurou o projeto “Melhorar o habitat para combater o mal de Chagas". Lançado em 2009, o programa deve melhorar as condições de precariedade e insalubridade das moradias e infra-estruturas de base nas aldeias do município e do departamento de Santa Ana, comunidade rural muito pobre de El Salvador, para combater a difusão do inseto vetor da doença. Depois de uma série de estudos, constatou-se a alta incidência de Chagas entre os moradores de Santa Ana, Ahuachapán e Sonsonate. Em Santa Ana é maior do que o índice de Aids. A educação e a tomada de consciência por parte das famílias sobre a doença, as causas, consequências e formas de prevenção são uma parte determinante deste projeto. Fundasal está engajada também para melhorar as moradias das famílias mais pobres com novas paredes, estruturas higiênico-sanitárias em gesso no interior ou exterior das residências, abertura de vãos para janelas e portas, coberturas reforçadas, separação dos cômodos, pavimentos em cimento. Trata-se do primeiro projeto do gênero realizado em El Salvador, e teve um grande impacto na região. Além de envolver as famílias, serviu também para conscientizar as autoridades e os líderes sociais da região sobre a gravidade do problema. O mal de Chagas é uma das doenças definidas ‘esquecidas ou subestimadas’, que não recebem atenções especiais das autoridades da saúde. A cada ano, milhões de pessoas são contagiadas e dezenas de milhares morrem. A pandemia tem prevalência nas regiões rurais mais pobres da América Latina. (AP) (1/3/2012 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network