http://www.fides.org

Asia

2004-05-26

ÁSIA/CORÉIA DO SUL - Sacerdotes fidei donum em missão da Coréia aos Estados Unidos para a pastoral dos fiéis da diáspora coreana

Seul (Agência Fides) - A Comissão Episcopal para a Pastoral dos Migrantes e Itinerantes, liderada por Dom Peter Kang U-il, Bispo de Cheju, e a relativa Comissão da Conferência Episcopal dos Estados Unidos, encabeçada por Dom Thomas G. Wenski, chegaram a um acordo para o status e a vida dos sacerdotes fidei donum enviados da Coréia aos Estados Unidos para a pastoral das comunidades de imigrantes coreanos.
Segundo o acordo, antes de enviar um sacerdote fidei donum aos Estados Unidos, todas as dioceses e institutos religiosos da Coréia deverão estipular um acordo com o Bispo da diocese que o recebe. Esta diocese deverá se encarregar das despesas e da documentação necessária ao sacerdote coreano que, recebendo o status canônico de fidei donum, é submetido à jurisdição do Bispo americano da diocese na qual vai atuar, seguindo as indicações fornecidas ao clero da mesma diocese.
Em relação às duas Comissões, foi concordado que a competência dos processos de nulidade matrimonial dos católicos imigrados e conjugados nos Estados Unidos será de competência da Igreja americana, não podendo ser delegada à Conferência Episcopal Coreana. A Igreja americana nomeará um sacerdote coreano para acompanhar estes casos e assisti-los com a necessária atenção pastoral.
Segundo dados de dezembro de 2003, enviados à Agência Fides pela Conferência Episcopal da Coréia, os católicos coreanos no exterior são 133.853, presentes em 151 paróquias de 60 nações em todo o mundo. Entre eles, estão 172 sacerdotes, 121 religiosas e 2 religiosos não sacerdotes. Mais da metade dos católicos coreanos no exterior vive na América do Norte (81.9999 pessoas nos Estados Unidos, 14.480 no Canadá), enquanto a Oceania hospeda 10.310 coreanos na Austrália e 4.567 na Nova Zelândia. Seguem o Brasil, com 3600 coreanos, e a Alemanha, com 3.385.
Os números oferecem um quadro da grande força missionária da Igreja coreana. O laicato católico coreano é exemplo de vitalidade, dinamismo, maturidade e capacidade de evangelizar. A Igreja coreana é fortemente baseada na participação e nas atividades do laicato, que contribuem em modo determinante no serviço pastoral e nas obras de caridade. (PA) (Agência Fides 26/5/2004)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network