http://www.fides.org

Asia

2004-05-25

ÁSIA/CHINA - O matrimônio não deve ser um dia de ostentação mas a celebração de um Sacramento

Han Dan (Agência Fides) - Também na China, a celebração do matrimônio é cada vez mais luxuosa e dispendiosa para as famílias. Muitas entram numa espécie de competição, para ostentar sua riqueza. Para deter este fenômeno, incorreto e não-cristão, a paróquia de Wu Na, da diocese de Han Dan, na província de He Bei, incluiu no programa pastoral de preparação ao matrimônio uma série de encontros para sugerir aos fiéis católicos e não-católicos que evitem os desperdícios. Especialistas conversam com os jovens casais e oferecem explicações sobre a justa interpretação do matrimônio: é um Sacramento, e não uma ocasião para ostentar a própria riqueza ou desperdiçar dinheiro. Graças a estes conselhos, a paróquia não só resolveu muitos conflitos familiares, mas também contribuiu para levar uma mensagem evangélica a todos. (Agência Fides 25/05/2004)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network