http://www.fides.org

Europa

2004-03-01

EUROPA/SUIÇA - “Devemos cuidar de nossos irmãos e irmãs na fé que vivem na terra de origem do Cristianismo”. Os Bispos suíços convidam a destinar a coleta da Semana Santa aos cristãos da Terra Santa.

Friburgo (Agência Fides) - Numa carta pastoral publicada em fins de fevereiro, os Bispos suíços convidam os fiéis a oferecerem a coleta da Semana Santa aos cristãos da Terra Santa e a mostrar sua solidariedade com aquela população em várias formas. “Da após dia, ouvimos nos noticiários informações sobre a Terra Santa. Ficamos chocados, mas construímos uma espécie de barreira diante de nossos sentimentos. Aquilo que suportam homens e mulheres na Palestina está acima da nossa capacidade de empatia. Recebemos essas notícias quotidianas, e nos fechamos, interiormente, a elas. Fugimos antes da acomodação, e depois, na apatia - destacam os Bispos em sua mensagem”.
“Quando emerge um sinal de esperança, é destruído imediatamente por novas violências. Ouvimos falar também de perseguição e de desgaste da fé cristã. Mesmo assim, os cristãos continuam a viver na Terra Santa e sua presença não é ineficaz. Tentam semear esperança: perdão, reconciliação, amor ao próximo” - dizem ainda os Bispos, sobre a situação atual.
“Devemos ajudar estes irmãos e irmãs na fé que vivem nas terras de origem do Cristianismo, na terra de Jesus Cristo” - exortam os Bispos, recordando também alguns projetos financiados pela Igreja suíça para dar esperança a população, como por exemplo a “Casa da Graça”, de Haifa, que há 20 anos é uma ilha de esperança para muitos da Galiléia.
“A Coleta da Semana Santa dos católicos suíços oferece a possibilidade concreta de mostrar a nossa solidariedade com os irmãos e irmãs da Terra Santa. Também a nossa oração, as peregrinações a Terra Santa, os contatos pessoais com o auxílio de modernos meios de comunicação, assim como o sustento econômico, podem oferecer uma ajuda, que mesmo pequena, é marcada pelo espírito evangélico e pode aliviar a situação explosiva do Oriente Médio” - sublinham os Bispos em sua carta, exortando a ajudar tantas famílias cristãs que aguardam urgentemente um sinal de amor e de comunhão, “na comum esperança e na alegria pascal de nosso Senhor ressuscitado”.
(MS) (Agência Fides, 1/3/2004)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network