http://www.fides.org

America

2003-12-01

AMÉRICA/GUATEMALA - “IGREJA NA AMÉRICA, NÃO TARDE A SAIR, COM CRISTO, DE SUA TERRA EM DIREÇÃO A TODOS OS POVOS E CULTURAS!”: UM RENOVADO APELO DO CARD. SEPE EM FAVOR DA MISSÃO AD GENTES CONCLUI O CONGRESSO MISSIONÁRIO AMERICANO (CAM 2)

Cidade da Guatemala (Agência Fides) – “Igreja na América, da sua pequenez, da sua pobreza, do seu martírio, a sua vida é missão! Duc in altum! Igreja na América, não tenha medo de ser santa, não tenha medo de sair da sua terra, com Cristo, em direção a todos os povos e culturas!“ Um renovado apelo para que a Igreja na América viva com mais ímpeto a própria vocação missionária foi lançado pelo Enviado Especial do Santo Padre, o Card. Crescenzio Sepe, durante a Concelebração Eucarística conclusiva do Segundo Congresso Missionário Americano, no domingo, 30 de novembro. No Estádio Mateo Flores, onde se realizou a Festa Missionária de encerramento, o Cardeal recordou os “dias inesquecíveis” do Congresso, e expressou a mais profunda gratidão a todo o Povo de Deus que se encontra na Guatemala e a todos aqueles que trabalharam pelo sucesso deste importante evento eclesial.
“O encerramento do Congresso coincide de modo providencial com o início do tempo do Advento”, destacou o Cardeal, que convidou a Igreja na América a se preparar para acolher o Senhor, “prolongando na terra a missão do Redentor, levando o fogo do seu Amor a todos os povos e a todas as culturas”. Ao retomar a exortação do Santo Padre para que a América Latina passe da condição de continente evangelizado a continente evangelizador na Europa, na Ásia e África, o Cardeal Sepe prosseguiu: “Certamente não se trata de uma tarefa fácil e não são poucos os problemas e os desafios que se apresentam, porém, o Senhor, que nos chama a uma missão assim tão nobre, nos concede também os meios necessários para realizá-la”. Em particular, convidou a olhar para o exemplo de tantos Santos e Santas da América; a acompanhar com a oração as numerosas vocações ao sacerdócio, à vida religiosa e à missão ad gentes que estão nascendo nas Igrejas particulares; a acolher a consoladora realidade dos leigos engajados na missão, de tantos ilustres catequistas, dos movimentos eclesiais e das novas comunidades.
Durante a Missa de encerramento do Congresso Missionário Americano, o Cardeal Sepe conferiu o Mandato missionário a um “novo grupo de apóstolos do Evangelho”. “O seu entusiasmo e seu empenho sem reservas à missão do Redentor, constituem para todos nós um exemplo e um estímulo”, disse o Cardeal. “Com vocês, missionários da América, a nossa Assembléia vai alcançar os quatro pontos cardeais da terra e anunciará a paz e a salvação de Cristo, que todo o mundo busca e aguarda.”

(S.L.) (Agência Fides 1/12/2003; Linhas 32; Palavras 431)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network