http://www.fides.org

Africa

2003-11-29

ÁFRICA/SUDÃO - CONCLUÍDO O CONGRESSO DOS JOVENS DE CARTUM: UM SINAL DE VITALIDADE DA IGREJA CATÓLICA EM UM PAÍS QUE VIVE UMA SIUAÇÃO DIFÍCIL

Cartum (Agência Fides) - “Este ano, o Senhor quis que iniciássemos e realizássemos o nosso Congresso diocesano dos jovens sob a senhoria de Cristo. Ele é o Chefe e o Rei que conduzirá seu povo no Terceiro Milênio.” Com essas palavras, o Cardeal Gabriel Zubeir Wako, Arcebispo de Cartum, abriu o 4° Congresso dos jovens da Diocese, realizado de 22 a 27 de novembro.
Participaram do encontro 407 jovens delegados das 29 paróquias da Diocese. Cada delegação paroquial estava acompanhada por um sacerdote coordenador, uma irmã e pelo menos 3 membros dos respectivos Conselhos paroquiais, dos quais pelos menos um deveria ser uma mulher. Além desses, havia 18 membros do Comitê central diocesano para os jovens, que organizou e administrou o Congresso. As delegações paroquiais descreveram a situação dos seus jovens a partir de 2000. Assim, os delegados criaram grupos de trabalho para preparar a mensagem conclusiva do Congresso.
O Cardeal Wako assistiu a quase todas as sessões do Congresso. Nos meses precedentes ao encontro, o Cardeal visitou as paróquias para compartilhar com os jovens suas reflexões sobre os documentos que o Santo Padre dedicou à condição juvenil.
O Congresso conclui um percurso iniciado em 1995, quando depois do Dia Mundial da Juventude de Manila, o Arcebispo reuniu na semana precedente à Solenidade de Cristo Rei, cinco delegados de cada paróquia para um seminário de formação. Desde então, teve início um caminho de aprofundamento que empenhou os jovens a refletirem sobre uma série de temáticas em preparação ao Jubileu de 2000: papel da juventude na Igreja; matrimônio cristão e problemas relacionados; viver de maneira correta a sexualidade dos jovens; relações entre jovens e idosos, com uma referência especial ao relacionamento com os pais; difusão do álcool e da droga entre os jovens.
Foram debatidas ainda questões relacionadas às condições políticas e sociais em que vivem os jovens em Cartum, ou seja, em meio à guerra civil no Sudão. Foram discutidos problemas que derivam da condição de refugiado; políticas islâmicas e árabes adotadas pelo governo; sistema discriminatório e situações de extrema indigência na qual os cristãos são obrigados a viver.
Depois do Grande Jubileu, a Diocese de Cartum realizou 4 Congressos juvenis, o primeiro dos quais no final do Ano Santo, de 27 de dezembro de 2000 a 1° de janeiro de 2001. Tratou-se de uma manifestação de fé da qual participaram milhares de jovens. (L.M.) (Agência Fides 29/11/2003 Linhas 39 Palavras 492)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network