http://www.fides.org

Ciência e Medicina

2003-11-26

EUROPA/ITÁLIA - TUMOR: OS ITALIANOS TÊM 23% DE CHANCES A MAIS DE SOBREVIVER EM RELAÇÃO AOS ANOS 80

Roma (Agência Fides) – Aumentam na Itália os níveis de sobrevivência para os pacientes com tumor. Os doentes que receberam o diagnóstico da doença nos anos 90 sobrevivem, em média, 5 anos a mais em relação aos anos 80, o que representa 23% de chances.
Este é o quadro os doentes italianos de oncologia traçado no âmbito do estudo europeu Eurocare-3. Os resultados da pesquisa serão anunciados, no dia 27, durante o Congresso “Tendências recentes de sobrevivência para doentes com tumor na Itália e na Europa”.
A cada ano, morrem de câncer 930.000 pessoas nos 15 países da União Européia. Na Itália, em 2000, foram registradas 130.000 mortes e 240.000 novos diagnósticos.
O estudo, que envolveu 56 Registros de Tumores em 20 países europeus, mostra importantes diferenças de sobrevivência entre os países, assim como dentro dos próprios países. Se observa, por exemplo, um claro melhoramento dos níveis de sobrevivência na Itália e na Europa; mas o mesmo não acontece nos países do leste europeu, que em breve devem entrar para a União Européia. (AP) (26/11/2003 Agência Fides; Linhas:29 Palavras:361)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network