http://www.fides.org

Oceania

2003-11-17

OCEANIA/PAPUA NOVA GUINÉ - A PRIMEIRA ESCOLA DE ENSINO MÉDIO PARA JOVENS NA DIOCESE DE VANIMO: O EMPENHO DA IGREJA PARA A INSTRUÇÃO E O CRESCIMENTO DAS MULHERES

Vanimo (Agenzia Fides) – A Diocese de Vanimo lançou um corajoso plano de escolarização da população da diocese, dirigido sobretudo às jovens. Para a aplicação deste plano, Dom Cesare Bonivento, Bispo local, arrecadou 3 milhões de euros.
O governo regional de Vanimo pediu à Diocese que assuma a responsabilidade de conduzir uma “Boarding Senior Technical High Schools for Girls”, escola de ensino médio que prepara as jovens para os estudos técnicos e permite que elas prossigam nos estudos universitários. O instituto seria uma novidade absoluta na região, onde as jovens, segundo a cultura local, se dedicam aos trabalhos domésticos e têm poucas oportunidades de instrução.
O projeto da escola, já aprovado pelo governo, prevê que os docentes e o pessoal administrativo sejam retribuídos pelo Estado, mas o governo pediu à Diocese ajuda financeira para a construção desta escola. Dom Bonivento aceitou contribuir, “confiando totalmente na Divina Providência”, segundo declarou.
O complexo escolar, com capacidade para atender 320 jovens, compreende seis edifícios, de dois andares, com salas escolares, laboratórios, dormitórios, cozinha, refeitório, sala para recriação e centros esportivos. O projeto prevê ainda a construção de cerca de 15 casas para os professores. O custo do projeto gira em torno de dois milhões de euros.
Além disso, numerosos estudantes da diocese de Vanimo chegam a percorrer até 200 quilômetros para frequentar as aulas na escola de ensino fundamental mais próxima, porque existem somente duas escolas de ensino fundamental em uma área de 30.000 km² de floresta. Para aliviar o esforço dos estudantes, o governo reconheceu escolas de ensino fundamental oito escolas administradas pela Igreja dentro da Diocese. Para acolher os novos alunos, as escolas devem construir novas salas e dois grandes dormitórios (uma para meninos e outro para meninas, refeitório e cozinha), em um custo estimado por volta de um milhão de euros.
Para apoiar a campanha da Diocese de Vanimo e ajudar Dom Cesare Bonivento a arrecadar a cifra de três milhões de euros, se mobilizou a Associação Projeto Paz, uma organização italiana que nasceu em 2002, na cdiade Modena. A Associação já financiou projetos em Bukavu, na República Democrática do Congo, por meio de arrecadação de fundos e adoção a distância. Um dos responsáveis pela Associação, Devis Dazzani, disse à Agência Fides: “Com a ajuda de Deus e de tantos homens e mulheres de boa vontade, esperamos fazer bem às meninas e às crianças daquela necessitada região do mundo, que é a Papua Nova Guiné”.
(PA) (Agência Fides 17/11/2003 Linhas 45 Palavras 508)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network