http://www.fides.org

Asia

2003-11-10

ÁSIA/IRAQUE - “OS CRISTÃOS CALDEUS NO IRAQUE PODEM AJUDAR A DILUIR AS TENSÕES SOCIAIS”: UM REPRESENTANTE DO CONGRESSO NACIONAL CALDEU EM VISITA À CASA BRANCA

Washington (Agência Fides) – Expressar profunda preocupação pela delicada situação do Iraque, que se encontra em meio a tensões, fundamentalismos e atentados; reiterar que os cristãos caldeus e de todas as outras confissões estão prontos a se envolverem diretamente para garantir à nação um futuro de estabilidade, bem-estar e paz. São os principais argumentos reiterados na visita realizada nos dias passados a Washington por Joseph Kassab, membro do Comitê Central do Congresso Nacional Caldeu, formação política que no Iraque reúne os pertencentes à comunidade católica majoritária, com mais de 600 mil fiéis no Iraque.
Um comunicado proveniente da Secretaria do Congresso informa à Agência Fides que na sua visita, que se concluiu no dia 8 de novembro, Kassab encontrou diversos expoentes da administração norte-americana, com os quais discutiu a elaboração e os conteúdos da nova Constituição iraquiana e de como deveria proteger os direitos e as liberdades de religião de todos os grupos étnicos e das minorias.
Neste delicado momento de ameaças fundamentalistas – destacou Kassab – a comunidade Caldéia, terceiro grupo étnico presente no país, poderia ajudar na difusão na sociedade iraquiana de um percepção positiva da presença e da ação de militares e civis norte-americanos e aliados no Iraque.
Na Casa Branca, Kassab encontrou Steve Hadley, vice-Conselheiro para a Segurança Nacional, e o Embaixador Larry Rosin, Diretor do Departamento para os Negócios da Ásia do Sul. Kassab manteve um importante contato com a Comissão Nacional sobre Liberdade Religiosa e com alguns membros do Congresso norte-americano e vários senadores.
Nos diversos encontros, Kassab reiterou a decepção dos Caldeus iraquianos pela não nomeação de um representante Caldeu para o Conselho governamental provisório, nomeado pelo Embaixador Paul Bremer no Iraque, destacando que os Caldeus pretendem se empenhar em nível político para a construção de um Iraque livre, democrático e respeitoso dos direitos humanos.
(PA) (Agência Fides 10/11/2003 linhas 34 palavras 323)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network