http://www.fides.org

Vaticano

2003-11-10

VATICANO - XVIII CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO PONTIFÍCIO CONSELHO DA PASTORAL PARA OS AGENTES DE SAÚDE SOBRE O TEMA “A DEPRESSÃO”

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – De 13 a 15 de novembro, na Nova Sala do Sínodo da Cidade do Vaticano, será realizada a 18ª Conferência Internacional do Pontifício Conselho da Pastoral para os Agentes de Saúde. O tema será a “Depressão”, que constitui nos nossos dias uma das mais importantes doenças emergentes. Afirma-se que é o principal “assassino” da nossa época. É uma síndrome comum que atinge cerca de 340 milhões de pessoas em todo o mundo, e encontra-se entre as principais causas de invalidez (10,7%), pode ser seguramente diagnosticada e tratada com cuidados primários. Menos de 25% dos doentes têm acesso a tratamentos eficazes.
Certamente a nossa é uma época privilegiada quanto ao desenvolvimento tecnológico, que nos deu um outro parâmetro de qualificação do “homo sapiens”, ou melhor, a do “homo potens”. Mas o que infelizmente constatamos é que este “homo potens” é ao mesmo tempo “homo pavidus”, o homem tremulante que tem um grande medo, apesar de poucas vezes confessá-lo. A depressão é sinal da cultura pós-moderna, que é uma cultura desprovida de valores, fundada no bem-estar e no prazer, na qual conta como meta suprema o lucro econômico.
O Congresso será centralizado sobretudo sobre o que é a depressão, como pode ser analisada à luz da fé, o que devemos fazer. Participarão muitos especialistas, professores e psiquiatras provenientes de diversas partes do mundo, além dos cardeais: José Saraiva Martins, Paul Poupard, Jorge Arturo Medina Estevez, Carlos Amigo Vallejo, Ivan Dias e Javier Lozano Barragán; arcebispos e bispos, o Diretor do Departamento de Saúde mental da Organização Mundial da Saúde, o Dr. B. Saraceno, o Embaixador da China junto à Santa Sé, o Sr. Raymond R.M. Tai. (AP) (10/11/2003 Agência Fides; Linhas:26 Palavras:308)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network